Santa Casa de SP ensina população a reconhecer sinais e sintomas do câncer de mama Parte da programação especial em apoio à Campanha Outubro Rosa, atividade acontece até o dia 19 de outubro

Compartilhar :

Clique na imagem para ver as fotos do evento

Nesta quarta-feira, 10, a Santa Casa de São Paulo estreou mais uma atividade em contribuição à campanha Outubro Rosa. Trata-se da ação educativa Mama Amiga, organizada pelo Departamento de Medicina e pelo Centro Integrado de Humanização (CIH) da Santa Casa, com o objetivo de destacar os sinais e sintomas do câncer de mama que podem ser notados por meio do autoexame. Aberta ao público, a atividade será realizada novamente amanhã, 11, e durante toda a semana que vem (15 a 19 de outubro), no saguão do Hospital Central da Santa Casa.

As voluntárias Rose Freire, Júlia de Carvalho e Auta Pereira de Carvalho, do Grupo de Apoio Amor Rosa, organização não governamental (ONG) que auxilia pacientes oncológicos, passaram o dia à disposição da comunidade para tirar dúvidas e alertar sobre a importância de apalpar as mamas, uma vez por mês, em busca de caroços ou outras alterações na textura da pele. Também faz parte do autoexame a observação da aparência das mamas.

A ONG utiliza um método lúdico para ajudar homens e mulheres a entenderem e memorizarem as principais mudanças que precisam ser observadas durante o exame. A orientação acontece por meio de modelos feitos artesanalmente: bojos de sutiã colocados em suportes plásticos representam as mamas, com “mamilos” feitos com placas de EVA (material emborrachado composto por Etil, Vinil e Acetato, usado em artesanato).  Cada protótipo apresenta um sinal ou sintoma, retratado por materiais plásticos ou tecidos, com formatos, cores e texturas que remetem às suas principais características. Todos eles são comparados com uma representação de mamas saudáveis.

Quem decide ver os modelos ganha uma explicação personalizada sobre cada um. A pessoa pode tocar nos materiais, que reproduzem caroços, inchaço, vermelhidão, secreções, inversão do mamilo, pele áspera, dor e aumento da mama. Ao final da explicação, todos saem com folhetos informativos e com o broche rosa que simboliza a campanha.

Programação da Santa Casa para o Outubro Rosa 2018

Desde o início do mês, a Santa Casa oferece à comunidade atividades informativas, de conscientização e de recuperação da autoestima de mulheres em tratamento contra o câncer. A programação foi organizada pela Profa. Dra. Marineide de Carvalho, coordenadora da Oncologia Clínica da Santa Casa e docente da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Santa Casa, juntamente com a psicóloga Rita de Cássia Boni Zanolo, responsável pelo Centro Integrado de Humanização (CIH) do Hospital.

Até o dia 19 de outubro, pode ser vista a exposição Mulheres no Espelho, ensaio fotográfico com pacientes da Santa Casa que lutam ou lutaram contra o câncer de mama. Até o final do mês, serão realizadas outras ações culturais, além de um ciclo de palestras. Conheça a programação completa:  http://www.fcmsantacasasp.edu.br/acoes-do-outubro-rosa

Para saber mais:

Ensaio fotográfico realça a recuperação da autoestima por mulheres com câncer de mama

Grupo de Apoio Amor Rosa

 

 

52 visualizações

Compartilhar :